Bloqueio:
01 BANNER OFERTAS
Novela

Prostituta domina cena em boa estreia de Amor Sem Igual na Record

Ela almeja deixar a rua e trabalhar em um ponto “chique” de São Paulo

10/12/2019 22h32
Por: Redação
Fonte: terra

Após anos explorando o filão bíblico, a Record fez as pazes com a dramaturgia dita contemporânea com Topíssima. A trama de Cristianne Fridman chegou ao fim com relativo sucesso – e ampliando seus índices após a mudança, nestes últimos capítulos, para às 20h30, deixando claro o equívoco da grade que colocou o folhetim de frente com as bem-sucedidas produções da Globo às 19h. A alteração beneficia Amor Sem Igual, boa estreia desta terça-feira (10).

A capacidade de Fridman de armar enredos já é conhecida há anos pelo público do canal. De Bicho do Mato (2006) a Vidas em Jogo (2011), ela sempre engendrou histórias e personagens capazes de garantir, em 200 e tantos capítulos, a atenção do telespectador – não cito Vitória (2014) porque não vi, assim como espiei menos do que gostaria de Topíssima. Fez o mesmo agora, partindo do casal formado por Angélica, a prostituta Poderosa (Day Mesquita), e Miguel (Rafael Sardão).

Ela almeja deixar a rua e trabalhar em um ponto “chique” de São Paulo. Também sonha com bens materiais, como a peça que adquire numa loja esnobe da Oscar Freire, com duas vendedoras tão esnobes quanto – “trolladas” por ela, que parcelou a quantia exorbitante no cartão de crédito, mas não saiu de mãos vazias. Poderosa é empoderada. Reage satisfeita aos olhares desejosos e aos invejosos; toma as dores do que os cercam, com da amiga Furacão (Dani Moreno), explorada pelo filho.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários