Bloqueio:
01 BANNER OFERTAS
Eleição

João Vicente diz que é meta do PTB ter candidato em 2022 e não descarta aliança com PT

O presidente estadual da sigla não descartou que esse cenário aconteça com o apoio do próprio PT

10/12/2019 22h07
Por: Redação
Fonte: cidadeverde.com

O ex-senador João Vicente Claudino, presidente estadual do PTB, revelou nesta terça-feira (10) que é meta do seu partido lançar candidato a governador em 2022. Segundo ele, isso é um objetivo a ser perseguido e vai depender muito do desempenho da legenda nas eleições municipais. JVC não descarta, inclusive, ser o nome a disputar a sucessão do governador Wellington Dias, com o aval do próprio petista.

“É uma meta. Eu tive na reunião do PTB nacional em novembro e é uma meta até do PTB nacional ter um candidato a presidente em 2022. Foi estabelecido isso lá. Então, o PTB espera que nos estados se faça palanque. Se vai ter um candidato a presidente tem que ter os palanques nos estados”, disse em entrevista à TV Cidade Verde.

Para João Vicente, é normal que seu nome seja especulado para disputar o Palácio de Karnak. ‘’Dentro desse rol é o natural, mas no meio desse caminho tem tantas lideranças que estão florescendo no PTB. A gente vai fazer com que isso se sedimente. E também aqueles que vão vir para o partido. Vamos convidar lideranças para virem pro PTB”, destacou.

O presidente estadual da sigla não descartou que esse cenário aconteça com o apoio do próprio PT. “O PTB construiu essa aliança (com o PT) na campanha passada e nós hoje, como presidente, consolidamos esse entendimento e vamos seguir nesse caminho que agrada a grande maioria do PTB”, afirmou, ressaltando que o resultado das urnas em 2020 será muito importante para o partido.

"Se o PTB sair forte como nós estamos planejando para 2020, ter essa sua reconstrução e o crescimento efetivo de triplicarmos o número de vereadores, no mínimo dobrarmos o número de prefeitos. Se consolidar voltar a ser uma grande força política dentro do estado do Piauí, ele se credencia a ter nomes e quadros para 2022”, afirmou.

Se o PTB já está de olho no Palácio de Karnak, imagine no Palácio da Cidade. A legenda também não descarta lançar um nome para disputar a sucessão do prefeito de Teresina, Firmino Filho.

"Não é uma tendência descartada. Quando o presidente Roberto Jefferson esteve aqui, ele levou um relatório que nos pediu sobre possibilidade de candidatura e em quantos municípios do Piauí. Naquele momento nós informamos que iríamos lançar candidatos em 55 municípios - esse número até já se ampliou depois dessa visita dele - e até incluímos Teresina. Se vai ocorrer, vamos amadurecer. Nós tínhamos que mostrar que, naquele momento, a possibilidade existia. Se lá na frente isso se consolida, o tempo é que vai dizer", afirmou em entrevista à TV Cidade Verde.

João Vicente ressaltou que também não estão descartadas alianças com outros partidos, no entanto, tudo tem que ser construído no diálogo.

"O PTB só teve duas posturas em Teresina até hoje: em 2012 e 2016 candidatura própria e nos outros momentos foi aliado do PSDB. Só vivemos esses dois momentos. Qualquer outro momento que vá viver ou ser vivido pelo PTB será um momento novo. Tem que ser construído com muita transparência, sinceridade, para quem está fora dos partidos, ou seja, a população", finalizou.

Hérlon Moraes
[email protected]

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários